Alimentação: os cuidados que devemos tomar com a nossa saúde bucal.

Publicado em por

Hoje vamos falar de formas de prevenir alguns probleminhas que possam vir ocorrer, caso não tenham o devido cuidado. Porém, não há motivos para se desesperar e sair cortando tudo do cardápio. Com moderação é permitido comer e beber de tudo.

Desde criança aprendemos que a escovação dos dentes é fundamental para garantir a saúde bucal. Porém, a alimentação também é muito importante para manter um sorriso saudável. Alimentos ácidos, como a laranja, os refrigerantes e o suco de limão podem provocar uma doença conhecida como erosão ácida.

No entanto, não há motivos para se desesperar e sair cortando tudo do cardápio. Com moderação é permitido comer e beber de tudo sem afetar o sorriso. Contra o problema, existem os alimentos protetores, como o leite.

O que é a erosão ácida?

Erosão ácida é a perda da estrutura saudável do elemento dentário. Existem dois tipos de erosão ácida. A erosão extrínseca, causada pela ingestão em excesso de alimentos ácidos e a erosão ácida intrínseca, em que o ácido gástrico entra em contato com os dentes por vômito recorrente, regurgitação ou refluxo.

É uma doença grave?

Sim, porque é uma doença crônica e inicialmente indolor, sem sintomas. Mas com o passar do tempo os dentes têm que ser restaurados com resina ou próteses para se repor a estrutura perdida. Em alguns casos tem que ser feito inclusive tratamento de canal, para tratar a perda de vitalidade pulpar, ou seja, tratar a polpa do dente. É comum chamar a polpa de nervo, e possui veias e artérias, além de fibras nervosas. Ela é responsável pela nutrição do dente durante toda a vida.

Quais são os sintomas?

Os sintomas aparecem no estágio mais avançado da doença. Ocorrem desgastes do esmalte em regiões específicas da arcada dentária, perda do brilho natural do dente, sensibilidade dentária, perda da vitalidade pulpar, desadaptações de restaurações anteriores à erosão e exposição pulpar.

Pode atingir crianças e adultos?

O problema é muito raro em crianças, atingindo mais os adultos com hábitos alimentares da vida moderna, como ingestão de bebida alcóolica em excesso (espumantes, vinho branco, refrigerantes).

Algum alimento ajuda a proteger o dente desse problema?

Sim, o leite e o queijo branco protegem os dentes.

Quais alimentos devem ser evitados em excesso?

Bebidas alcoólicas, como espumantes, vinho branco, sucos de fruta frescas ácidas (limão, abacaxi, laranja) em excesso, conservas à base de vinagre, e refrigerantes à base de cola, principalmente.

Todo refrigerante é maléfico ou depende do sabor?

Todos os refrigerantes ingeridos em excesso são maléficos, mas os à base de cola são mais agressivos.

Em que quantidade é possível comer alimentos que fazem mal aos dentes sem grandes prejuízos, porque para algumas pessoas é difícil parar de tomar vinho, por exemplo?

O consumo de todos os alimentos é permitido. O que deve ser evitado é o exagero e a alta frequência. Já os pacientes que estão na fase de doença ativa, devem evitar esses alimentos por toda a vida.

Muito se fala na contribuição da maçã na limpeza dos dentes, mas ela pode provocar essa doença?

Sim, a maçã é um alimento ácido e em excesso também pode provocar a doença.

Prevenção

– Evite escovar os dentes imediatamente após consumir alimentos ou bebidas ácidas, porque é neste momento que o esmalte está mais vulnerável ao ataque da abrasividade das pastas e ao trauma das cerdas da escova

– Não bocheche, nem retenha refrigerantes ou bebidas ácidas por tempo prolongado na boca. Ao consumi-las, é aconselhado o uso de canudinhos.

– Escove os dentes de modo suave e com uma escova macia.

– Use creme dental com a abrasividade baixa e que contenha flúor

– Vá ao dentista regularmente

Alimentos inimigos dos dentes:

– Café

– Laranja

– Vinho tinto

– Vinho branco (foto)

– Espumante

– Refrigerantes (principalmente à base de cola)

– Suco de limão

– Maionese

– Vinagre

– Tomate

– Uva

– Maçã

E ai, gostaram? Espero que tenha sido útil a vocês. Nossa maior preocupação é com a sua saúde e higiene oral.

Paz para todos e um dia muito azul!

Comentários encerrados.